Tudo pode ter um lado bom ou ruim.

Onde alguns vêem uma enxurrada assassina, outros vêem uma disponibilidade de água a ser tratada que poderia trazer fartura e disponibilidade para todos a preços acessíveis. Tudo é uma questão de foco e atitude. Precisamos um pouco de iniciativa e positividade para recolher a água que a natureza nos disponibiliza, tratá-la localmente nos bairros e construir sistemas de distribuição alternativos de custo mais adequado, para o consumo da população. O excedente poderia ser comercializado e gerar recursos para o município. Ao invés disso, o que vemos por aí são reclamações sobre falta de água e excesso de chuvas. Esse caminho nunca levará a lugar nenhum.

Deixe uma resposta